11 de janeiro de 2005

Valor da mensalidade varia em BH

A escolha da profissão tem que passar pelo bolso
Estado de Minas
"Uma pesquisa do site Mercado Mineiro, divulgada ontem, revela que um diploma pode custar até R$ 158 mil, em Belo Horizonte. Esse é o total a ser gasto apenas com o pagamento de mensalidade do curso de medicina da Faculdade de Ciências Médicas. De acordo com o diretor-executivo do site, Feliciano Lopes de Abreu, o futuro médico pode demorar até 59 meses para cobrir o investimento, considerando o salário médio do profissional R$ 2.694. ""Não fizemos a pesquisa apenas para comprar os preços entre as instituições. Quisemos mostrar o valor do investimento. Ainda é muito caro fazer uma faculdade"", afirma o diretor-executivo. Entre as mensalidades pesquisadas, a mais cara foi a da Faculdade de Ciências Médicas. Para a instituição, o valor é adequado aos custos, principalmente, para manter o quadro de professores com a qualificação devida. Mas outros valores também inibem estudantes de sonhar com uma carreira. As duas instituições que oferecem o curso de odontologia, Faculdade Newton Paiva e PUC Minas, têm mensalidades de R$1.316,70 e R$ 1.101,90. A pesquisa mostra que as mensalidades dos cursos de administração são as que tem a maior variação. O valor mais alto é o cobrado pelo Ibmec de Minas Gerais, R$ 950, e o mais barato, R$ 396, é o da Faculdade Metropolitana de Belo Horizonte. O gerente de marketing do Ibmec, Rodrigo Paiva Quintão, informa que o curso é mais caro devido aos investimentos. ""Temos um volume menor de alunos e um contato direto com eles. Além disso, temos atividades de manhã e a tarde para complementar os estudos"", alega o gerente. "
 
Últimas
Notícias ANGRAD
Mais lidas